Buscar
  • TERRAÇO

Síndico profissional ou morador?


Afinal, o que é melhor síndico morador ou sindico profissional? Essa é uma pergunta importante e pode ser frequente entre os condomínios. É o síndico quem cuida do bem-estar, segurança e outros fatores importantes para a convivência de todos os moradores.


Agora você irá ver a diferença entre o síndico morador e síndico profissional:


Síndico morador:


Qualquer um dos condôminos do prédio pode se candidatar, e não é necessário expor motivos para fazê-lo. Recomenda-se que os interessados ao cargo se manifestem com 1 mês de antecedência, pois assim os votantes podem refletir sobre seu voto antes da assembleia.


A vantagem desse síndico consiste no fato de que seu custo é mais baixo em comparação ao contratado. Como ele reside no condomínio, prezará mais pela segurança e pela manutenção do local, pois também usufruirá da boa administração.


Por outro lado, os seus conflitos pessoais com moradores impedirão que ele tome as decisões mais justas. Em um momento em que ele precisa procurar soluções para conflitos entre condôminos, ele pode não ser imparcial se possuir atrito pessoal com algum deles.


Ele até pode ser uma pessoa neutra, independentemente da situação. Porém, não há certeza de que o eleito terá essa personalidade.


Síndico profissional:


Nessa modalidade, os moradores escolhem um profissional autônomo com experiência em administrar condomínios ou contratam uma agência especializada na terceirização de serviços condominiais. O indivíduo não é morador nem possui interesses pessoais com o local.


A maior vantagem consiste no seu conhecimento especializado. Ele pode ter formação profissional ou bastante experiência em lidar com os mais diversos problemas que eventualmente surgirão.


Além disso, ele também lidará com os conflitos de forma imparcial, visto que não detém conexão pessoal com os moradores.

0 visualização0 comentário